PÁGINA INICIAL
EMPRESAS
ENTIDADES
FEIRAS NO BRASIL
FEIRAS NO MUNDO
EXPOSIÇOES E EVENTOS
ARTIGOS
COMÉRCIO EXTERIOR
ENTREVISTAS
MANUAL DE GEMAS
CURSOS
CURIOSIDADES
JOALHERIA DE ARTE
MODA E TENDÊNCIAS
DICAS PRECIOSAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CLASSIFICADOS
PROMOÇÕES
COTAÇÃO DO DÓLAR
ANÚNCIOS
SOBRE O JOIABR
FALE CONOSCO
::::::::::::::::::::::::::::

© Joiabr - 2000
info@joiabr.com.br

 

Rubi valioso

 

 
Joia br - 02 de dezembro de 2015
 



Da redação - Em um leilão de joias que atraiu 160 compradores de três continentes nesta terça-feira, 1º de dezembro, em Hong Kong, a Christie’s emplaca um novo recorde mundial com a venda do rubi Crimson Flame.

Montado em um anel de ouro com diamantes, o raro rubi birmanês, de aprox. 15,04 quilates, tem lapidação cushion antiga e a cobiçada cor “sangue de pombo”. Foi vendido por 18,3 milhões de dólares, estabelecendo o recorde mundial por quilate para um rubi (US$1,2 mi).


A profundidade de cor, denominada "sangue de pombo", combinada com uma alta nitidez e luminosidade, contribui para a beleza da joia. Um rubi natural da Birmânia deste tamanho e qualidade é muito raro e, portanto, pode ser considerado um tesouro excepcional.

O Instituto Gemológico Suíço SSEF e o Laboratório Gubellin certificam a origem da gema e indicam que o rubi ​​possui características extraordinárias que merecem destaque e valorização, por seu tamanho impressionante combinado com uma cor vermelha vívida e um estilo de lapidação atraente. As inclusões encontradas pela inspeção microscópica representam as características de minas de rubi do vale Mogok na Birmânia (Myanmar), conhecida por sua riqueza em joias desde os tempos antigos.

foto: divulgação


 

© Copyright Joia br = É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo, sem prévia autorização

 

 

voltar ao index de notícias