Clique para acessar a Brilho Fashion
PÁGINA INICIAL
EMPRESAS
ENTIDADES
FEIRAS NO BRASIL
FEIRAS NO MUNDO
EXPOSIÇOES E EVENTOS
ARTIGOS
COMÉRCIO EXTERIOR
ENTREVISTAS
MANUAL DE GEMAS
CURSOS
CURIOSIDADES
JOALHERIA DE ARTE
MODA E TENDÊNCIAS
DICAS PRECIOSAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CLASSIFICADOS
PROMOÇÕES
COTAÇÃO DO DÓLAR
ANÚNCIOS
SOBRE O JOIABR
FALE CONOSCO
::::::::::::::::::::::::::::

© Joiabr - 2000
info@joiabr.com.br

<<Voltar ao index

Diamante

 


Carmen Takada

Repleto de simbologias, o diamante é a pedra preciosa mais cobiçada pelas mulheres. Conhecido há mais de três mil anos, ele é formado por carbono puro, cristalizado em elevadíssima temperatura e pressão, ocorridas na formação do planeta. Em média, é necessário extrair 250 toneladas de minério para se produzir um quilate de diamante lapidado de boa qualidade. Os maiores produtores de diamante do mundo são: Austrália, Zaire, Botswana, Rússia, África do Sul e parte da América do Sul, incluindo o Brasil. Eles podem ser encontrados em várias cores naturais que variam do incolor aos tons de amarelo, além do rosa, azul, violeta e marrom, chamados de fancy diamonds, considerados relíquias por muitos colecionadores. Nem sempre um diamante maior é sempre mais valioso que outro de menor tamanho. Para determinar o real valor desta gema, quatro características são consideradas: lapidação, cor, pureza e peso em quilates.
Cor

A cor do diamante varia em decorrência da mistura do carbono com outros elementos, durante seu processo de formação. Padrões internacionais foram estabelecidos para graduar essa gema de acordo com sua coloração. Em geral, fora os diamantes coloridos, quanto mais incolor mais valiosa é a gema.

Pureza

Durante o longo processo de formação do diamante, pequenos traços de outros minerais podem se inserir dentro dele. Chamadas de inclusões, elas podem ser brancas ou pretas. Quanto mais inclusões tiver uma uma gema, menor sua pureza e consequentemente o seu valor. Entretanto é quase impossível encontrar um diamante cem por cento puro.

Peso

O peso do diamante é medido em quilates (ct) que equivale a 0,2 gramas ou cem pontos. Para entender melhor essa medida, veja estes exemplos: um quarto de quilate equivale a 25 pontos (0,25); meio quilate, 50 pontos (0,50) e assim por diante.

Lapidação

Lapidação é a técnica utilizada para dar brilho às gemas. Quanto melhor ela for feita, mais brilho terá a pedra. Existem basicamente seis tipos de lapidação de diamante:

  • Brilhante (de forma arredondada, é o formato mais popular do diamante - por esta razão, muitas pessoas generalizam diamante como brilhante)
  • Oval (uma variação de brilhante)
  • Navette (de formato longo e pontudo nas duas extremidades)
  • Coração (em forma de coração)
  • Esmeralda (de formato retangular, com facetas em cada um dos lados e nas quinas)
  • Pera (em forma de gota)