PÁGINA INICIAL
EMPRESAS
ENTIDADES
FEIRAS NO BRASIL
FEIRAS NO MUNDO
EXPOSIÇOES E EVENTOS
ARTIGOS
COMÉRCIO EXTERIOR
ENTREVISTAS
MANUAL DE GEMAS
CURSOS
CURIOSIDADES
JOALHERIA DE ARTE
MODA E TENDÊNCIAS
DICAS PRECIOSAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CLASSIFICADOS
PROMOÇÕES
COTAÇÃO DO DÓLAR
ANÚNCIOS
SOBRE O JOIABR
FALE CONOSCO
::::::::::::::::::::::::::::

© Joiabr - 2000
info@joiabr.com.br


Técnica com arte
Abner Salustiano


Abner, joalheiro carioca, conquistou espaço no mercado com criações inovadoras e conceito bem definido.


Artista plástico por formação, Abner Salustiano conheceu o mundo da joalheria com o mestre Marcio Mattar, escultor e autor de jóias. E foi como seu assistente que aprendeu a desvendar a alquimia desta arte.

Sua primeira exposição aconteceu através da curadoria do saudoso Mark Berkovitz, crítico de arte joalheira, e logo foi citado como Revelação (Revista Veja). A partir daí, seguiram-se outras mostras nos Museus de Arte Moderna do Rio de Janeiro e de São Paulo, Funarte, Escola de Belas Artes (BA), Palácio das Artes (MG) e nas feiras RioJóia e Feninjer. Na Bahia, o convite surgiu através de uma carta do escritor Jorge Amado, recordação guardada por Abner com o maior carinho.

        

Abner também teve a oportunidade de conviver com Bobby Stepanenko e Caio Mourão - dois pioneiros no campo da "jóia de arte" no Brasil, a quem considera seus mestres por suas posturas em defesa da Joalheria Autoral. Recentemente, ministrou palestra sobre “Os Caminhos da Joalheria” na PUC- Rio, para os formandos do Curso de Design de Jóias, e reafirmou a importância deste movimento ímpar na joalheria nacional, cujos nomes de Márcio, Ulla Jonhson, Caio, Stepanenko e tantos outros não são devidamente reconhecidos. "Hoje existem outros nomes espalhados pelo Brasil, mas sem uma unidade que expresse este movimento claramente. Gostaria de lembrar, pelo exemplo, Christo Kiffer, que assim como eu, faz parte de uma segunda geração mais adaptada à realidade de nossos dias".

        

Ousadia e criatividade são características marcantes em seu trabalho. Na coleção "Natureza Exótica", experimentou a mistura inusitada de pele de rã com ouro e brilhantes. Motivos indígenas, formas e materiais orgânicos também estão presentes em várias de suas criações, que fazem sucesso no Brasil e no exterior.

 

Em seu atelier no Rio de Janeiro, Abner ministra aulas de joalheria, cravação e modelagem em cera. Além de mestre joalheiro, é designer de acessórios, e sua mais recente ousadia foi a criação de uma sandália para o "Souvenir Carioca" - projeto lançado durante os jogos pan-americanos de 2007. Ele também continua desenvolvendo jóias para clientes e lojistas, com coleções exclusivas e diferenciadas.

"Penso que o valor de uma jóia se encontra muito mais no prazer estético evocado por seu design do que pelo material usado em sua confecção.”
Abner Salustiano
abnerdesign@yahoo.com.br

Voltar ao index